Como Fazer Um Curriculum Vitae Matador_10

Como Fazer Um Curriculum Vitae Matador

Saber como fazer e como escolher o modelo de curriculum vitae correto, que potencialize suas habilidades e experiências, é simplesmente MATADOR! 8 entre 10 pessoas já descobriram qual o modelo mais eficiente. E você?

Alguns poucos candidatos ainda criam um único curriculum vitae e depois o enviam, independente da vaga ou empresa. Esse é um erro que poderá leva-lo a perder a chance de ser convidado para uma entrevista, ou mesmo de uma oferta de trabalho.

O que é CV

Como Fazer Um Curriculum Vitae Matador_1CV é o mesmo que curriculum vitae, que em latim significa “curso ou trajetória de vida”. É um resumo de sua experiência, de suas habilidades e de sua formação.

CV é também conhecido internacionalmente por “résumé” – palavra francesa que significa “resumo”.

Quantas páginas deve ter um CV?

Um CV padrão não deve ter mais do que duas páginas, ou dois lados de uma A4. Alguns CVs acadêmicos poderão ser mais longos, dependendo de sua experiência.

O que devo incluir em meu CV?

Seu CV precisa se resumir a informações relevantes que irão ajudar o recrutador a tomar a decisão de te convidar para entrevista, ou de te contratar. Seu CV deve incluir:

  • Detalhes de contatos – incluindo nome completo, celular e e-mail
  • Formação – informar a formação anterior, colocando a mais recente no topo
  • Referências – duas pessoas que possam dar referências positivas sobre seu emprego e experiências anteriores
  • Habilidades – por ex.: capacidade de trabalhar em equipe, de gerenciar pessoas, de atendimento ao cliente, ou específicos de TI
  • Experiência de trabalho – podem ser estágios, trabalhos voluntários, ou trabalhos anteriores. Comece com os cargos e atividades exercidas mais recentes/importantes.

O que não devo incluir em meu CV?

Você deve excluir o seguinte:

  • Palavras curriculum vitae ou résumé – se achar importante, somente CV será suficiente
  • Foto – a não ser que esteja se candidatando a vaga de modelo ou para atuação
  • Data ou local de nascimento – isto é desnecessário
  • Números de documentos – CPF, RG, passaporte etc.

Um item importante para os que publicam seus CVs online: não informem seu endereço residencial completo – essa informação poderá ser usada em fraudes por terceiros.

Devo incluir um perfil?

Você não precisa incluir um perfil pessoal, mas isso ajudará seu CV a se destacar.

O perfil deverá focar no setor ou departamento a que você está se candidatando, já que sua carta de apresentação será específica para o cargo. Você deverá ser sucinto – um resumo de 200 palavras é o comprimento perfeito para um perfil pessoal.

Esta sessão de seu CV também é conhecida como declarações pessoais, resumo ou sumário de carreira, ou simplesmente perfil.

O que informo primeiro: experiência profissional ou formação?

Se você é recém-formado, e não tem muita experiência de trabalho relevante, então será melhor que comece com sua formação. O oposto também vale, caso você tenha bastante experiência relevante.

Devo incluir hobbies em meu CV?

Não é obrigatório incluir hobbies em seu CV, mas pode ser importante mencionar qualquer um que seja relevante para o cargo que você esteja se candidatando. Um exemplo pode ser de voluntário como treinador em esportes, ou aprender um idioma em seu tempo vago.

Exemplos genéricos, do tipo: leitura, ir ao cinema, ouvir música; não são relevantes.

Como redigir um ótimo CV?

Há muitas maneiras de se criar um CV matador. Mas, para uma base sólida, concentre-se em quatro pilares principais:

  • Gramática – não pode haver erros em seu CV. Utilize corretor ortográfico, e peça a alguém para rever o seu texto. Tente incluir o máximo de palavras de ação possível, para aumentar o impacto de seu CV. Sempre que possível, use verbos de ação no lugar de verbos passivos. Por exemplo: você pode incluir palavras objetivas, como: “criou”, “analisou”, e “implementou”, para apresentar você como uma pessoa que demonstra iniciativa.
  • Layout – coloque suas habilidades e talentos mais atrativos logo no topo de seu CV, para aumentar suas chances de impressionar o recrutador. A mesma regra se aplica, ao informar suas graduações – sempre informe sua maior graduação primeiro.
  • Apresentação – mantenha seu CV organizado e de fácil leitura. Marcadores (como estes) devem ser usados para colocar itens em ordem. A escolha da fonte causa mais impacto do que você imagina. Algumas universidades sugerem Verdana ou Lucida Sans tamanho 10, e maior tamanho para cabeçalhos e subtítulos. Evite a fonte Comic Sans.
  • Estilo – você pode utilizar vários modelos de CV. Pense cuidadosamente sobre qual estilo atenderá às suas necessidades. Conheça os modelos, mais adiante neste artigo.

Quais as consequências de mentir em meu CV?

Como Fazer Um Curriculum Vitae Matador_8Nunca minta em seu CV, ou durante um processo seletivo para emprego. Não só você demonstrará desonestidade a um empregador em potencial, como isso também poderá resultar em consequências sérias.

Como explicar um período “em branco” em meu CV?

Você sempre deve informar a um empregador em potencial sobre um período de ausência do mercado de trabalho formal, para evitar mal-entendido. Esta informação poderá estar em sua carta de apresentação.

Eu preciso escrever uma carta de apresentação?

Sempre que possível, inclua uma carta de apresentação pessoal; a não ser que o recrutador diga que não será necessária. Uma carta de apresentação dará personalidade ao seu CV no processo seletivo. Você poderá chamar a atenção do recrutador para algumas partes em seu CV, e informar ou esclarecer alguns itens sobre seu histórico profissional.

Modelos de CV

Elaborar um CV específico é essencial. Então, quanto mais você se esforçar, melhor. O CV deverá destacar as habilidades que se encaixarão nas necessidades do recrutador para a vaga. Sendo assim, você poderá ter que apresentar um modelo de CV diferente para conseguir isso.

O “CV Tradicional”

O curriculum vitae tradicional é também conhecido como “CV cronológico”. Ele é usado para fazer uma correspondência entre suas qualificações, experiência de trabalho e as exigências para a função.

Este CV é estruturado em ordem cronológica reversa, ou seja: as qualificações e experiências mais recentes são informadas primeiro.

Este modelo de CV faz com que fique mais fácil para as empresas identificarem candidatos em potencial. Este formato permite que você forneça detalhes sobre suas qualificações, histórico de trabalho, e responsabilidades que correspondam ao critério informado na descrição da vaga.

Importante incluir:

  • Datas – cuide para não deixar espaços vazios em seu histórico
  • Qualificações e experiência de trabalho – faça uma correspondência com o cargo a que você está se candidatando
  • Habilidades e conhecimentos adicionais – informe critérios essenciais para o cargo

O “CV Baseado em Habilidades”

O CV baseado em habilidades, também conhecido como “CV Funcional”, poderá ser utilizado, se você tiver períodos ausentes do mercado de trabalho formal; ou seja: se você tiver ficado sem trabalhar com carteira de trabalho assinada.

Este modelo de CV também será útil, se você tiver pouca experiência, ou se estiver se candidatando a uma vaga que não tenha relação com a sua formação.

Empregabilidade é uma coisa transferível entre empregadores. O CV baseado em habilidades permite que você foque em habilidades que você desenvolveu nos vários momentos de sua vida.

Importante:

  • Posicionar suas habilidades de maneira bastante destacada
  • Fazer correspondência com o perfil do cargo
  • Informar situações reais em que você utilizou aquelas habilidades

O “CV Acadêmico”

O CV acadêmico é focado em suas conquistas acadêmicas. Ele deve ser usado, se você estiver se candidatando a palestras ou a vagas de pesquisas; incluindo pesquisas para pós-doutorado. Apesar de não haver limite de páginas, é importante manter seu CV conciso, e ter como objetivo as exigências para a vaga.

Sua pesquisa, conquistas acadêmicas, e habilidades especializadas, devem ser informadas na primeira página, se possível. Assegure-se de que o estilo da escrita seja erudito, mas também claramente inteligível para aqueles fora de seu campo de interesse. Cada sessão deverá estar em ordem cronológica reversa.

Lembre-se de incluir:

  • Os resultados de sua pesquisa e desenvolvimentos futuros
  • Detalhes de suas habilidades específicas
  • Financiamento, premiações, conferências que participou, associações profissionais e publicações

Se você é um pós-graduado, mas não pretende seguir a carreira acadêmica, seu CV deverá seguir um modelo alternativo.

O “CV do Professor”Como Fazer Um Curriculum Vitae Matador_2

Para fazer com que seu CV para o ensino se destaque dos restantes, foque sua candidatura na vaga que você pretende conseguir. Procure destacar:

  • Suas qualificações e, principalmente, detalhes de sua experiência de ensino
  • Módulos relevantes em sua formação
  • Detalhes de sua experiência no ambiente escolar, priorizando a faixa etária para a qual você pretenda lecionar
  • Qualquer outra experiência de ensino, ex.: treinador em esportes, escolas de férias, grupos juvenis
  • Qualquer experiência voluntária que seja relevante
  • Quaisquer assuntos relevantes ao ensino, ex.: habilidades musicais, atividades desportivas
  • Quaisquer habilidades que serão utilizadas no cargo, ex.: liderança, informática, idiomas
  • Duas referências, ex.: uma de seu educador ou gestor responsável, e uma de sua prática de ensino

O “CV para Técnicos em Informática”

O CV para TI, também conhecido como “CV Técnico”, poderá ser utilizado para se candidatar a cargos do tipo Web Designer, Consultor em TI, Desenvolvedor de Sistemas e Aplicativos.

Inclua um parágrafo introdutório que mencione sua expertise técnica e experiência. Adicione um cabeçalho de habilidades-chave, que permitirá discutir mais detalhes durante a entrevista técnica.

Apesar de você se sentir tentado a mostrar de uma vez tudo o que sabe, assegure-se de que você destacará primeiro suas habilidades mais relevantes. Importante que você também se lembre que o documento deverá ser compreendido por pessoas que não tenham um perfil técnico, como gerentes de RH, por exemplo.

Seu foco deverá ser:

  • Capacidade de manter o bom funcionamento dos aplicativos e sistemas em uso pela empresa, e de desenvolver novos
  • Experiência em obedecer a padrões técnicos
  • Capacidade de resolução de problemas
  • Habilidades de comunicação

Ainda não descobriu sua paixão em liderar? Então, descubra no e-Book: clique AQUI.

Claudio Cordeiro

20+ anos Gestor de Pessoas em grandes multinacionais. Especialista em Direito do Trabalho.

Últimos posts por Claudio Cordeiro (exibir todos)